Entrevista

António Zambujo: "Não há nada que eu faça que tenha sido inventado por mim"

Rita Bertrand 24 de abril
Biografia Nome:

António José Rodeia Zambujo

Cargo:

Músico

Nascimento:

19/09/1975 (45 anos)

Nacionalidade:

Portuguesa

Acima de tudo intérprete, embora também autor de melodias, admite que a sua identidade vem de uma mistura de influências. Volta a mostrá-lo num disco a solo, feito em casa: Voz e Violão.

Está de calções e chinelos, tem o Tesla preto estacionado há muito e o bronzeado do rosto dá indícios da vida que leva, desde março de 2020, quando as viagens dos concertos deram lugar a um prolongado confinamento, na sua casa de Porto Covo, desenhada à medida por um arquiteto, de acordo com as suas instruções.

Tem uma pequena piscina e uma sauna lá fora, canteiros bem arranjados de que ele próprio trata, lareira na sala e detalhes de bom gosto – da garrafeira montada em duas paredes à escadaria de pedra que conduz ao piso de baixo, onde improvisou o estúdio em que criou e gravou António Zambujo – Voz e Violão, o novo álbum com edição esta sexta feira, 23 de abril.

Foi aí que recebeu a SÁBADO, sem se fazer rogado quando lhe pedimos para tocar um pouco. Afinal, como admite, é o que mais gosta de fazer e tem sido a sua grande companhia – além dos ocasionais almoços com os amigos alentejanos, igualmente confinados, e a mãe, que ali passou umas temporadas – no último ano. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)