Segurança Social nega apoio alimentar a homem vegetariano

SÁBADO 21 de abril de 2019

Miguel viu apoio alimentar ser-lhe negado por “apenas fazer alimentação vegetariana”. Instituto da Segurança Social garante que não se revê na resposta dada pelos serviços.

Miguel (nome fictício) viu um apoio alimentar, destinado a pessoas em situação de carência, ser-lhe recusado pela Segurança Social por ser vegetariano. Questionado pelo Correio da Manhã, o Instituto da Segurança Social (ISS) garante que não se revê na resposta dada pelos serviços. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais