AKI aumenta salário mínimo para 602 euros em Julho

Lusa 04 de julho de 2017
As mais lidas

A empresa de bricolage aumenta em 45 euros o salário mínimo nacional

A empresa de bricolage AKI vai aumentar o salário mínimo que paga aos seus trabalhadores para os 602 euros a partir de Julho deste ano, ou seja, mais 45 euros do que o salário mínimo nacional.

gettyimages
Em comunicado hoje enviado, o AKI refere que vai aumentar "o salário mínimo de admissão para 602 euros" a partir deste mês e que, "com este acréscimo, o AKI, que já pagava um ordenado base de entrada acima do ordenado mínimo, vai remunerar todos os colaboradores que se enquadram neste escalão 8% acima do salário mínimo nacional", actualmente nos 557 euros.

Antes deste aumento, o salário mínimo de admissão praticado pela empresa era de 575 euros.

O AKI está a executar o seu plano de expansão até 2020 e pretende "duplicar o parque de lojas, passando das actuais 35 para 64", as quais deverão ser abertas em zonas de influência com cerca de 20 mil habitantes.

O AKI espera que, com este crescimento, consiga criar mais 670 postos de trabalho líquidos, ficando com dois mil trabalhadores.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais