Futebol

SuperLiga Europeia: "desejo dos adeptos" ou "projeto cínico"?

SuperLiga Europeia: 'desejo dos adeptos' ou 'projeto cínico'?
Diogo Camilo 19 de abril

O sonho começou em 2015 e foi revelado pelo Football Leaks. Em 2021 torna-se realidade: uma competição com 12 das melhores equipas do mundo, anunciada na véspera de uma mudança de formato da Liga dos Campeões. Quem participar será excluído, avisa UEFA.

Doze dos maiores clubes europeus de futebol decidiram criar uma competição de futebol só para si - e o resto do mundo do futebol eclodiu. A SuperLiga Europeia junta Real Madrid, Manchester United, Barcelona, Liverpool, Juventus, Chelsea, Manchester City, Arsenal, Atlético de Madrid, AC Milan e Inter de Milão. Mas os dois finalistas da Liga dos Campeões do ano passado recusaram juntar-se - tal como o FC Porto. UEFA diz que este é um "projeto cínico" e proíbe os clubes envolvidos de jogar em ligas domésticas e ter jogadores nas seleções.



Os primórdios da Superliga Europeia

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais