Passados 10 anos da descoberta do bosão de Higgs ainda "estamos à espera de surpresas..."

Em 2012 foi confirmada a existência do bosão de Higgs, Carlos Fiolhais, professor de física da Universidade de Coimbra, falou à SÁBADO numa altura em que se comemoram os 10 anos desta descoberta sobre os avanços existentes desde esse momento mas também sobre o que ainda é preciso estudar.

Passaram 10 anos desde que, a 4 de julho de 2012, os cientistas do Laboratório Europeu de Partículas de Física (CERN) conseguiram comprovar, através do Large Hadron Collider, uma hipótese que já estava a ser estudada desde 1964 e descobriram o bosão de Higgs. Esta descoberta valeu a Robert Brout, François Englert e Peter Higgs o prémio Nobel da Física. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais