OMS admite que assintomáticos com Covid-19 não infetam: "É muito raro"

OMS admite que assintomáticos com Covid-19 não infetam: 'É muito raro'
Diogo Camilo 09 de junho de 2020

Em Portugal, o R nunca chegou a ser muito superior a 2. Porquê? Talvez se explique agora que, na realidade, há quem esteja infetado e não espalhe a doença. E a ausência de contaminação até pode ser mais normal do que o contrário.

A afirmação surgiu entre os pingos da chuva durante a conferência de imprensa diária da Organização Mundial de Saúde (OMS) mas, a confirmar-se, poderá mudar completamente a abordagem à Covid-19. Esta segunda-feira, a epidemiologista e principal responsável técnica da resposta à pandemia, Maria van Kerkhove, assumiu que a transmissão do novo coronavírus por pacientes sem sintomas da doença, como febre ou tosse, parece ser "rara".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais