Destroços de foguetão chinês podem cair em Portugal

Destroços de foguetão chinês podem cair em Portugal
Ana Bela Ferreira 08 de maio

Cientistas não sabem onde vai cair o foguetão chinês que deve reentrar na atmosfera na madrugada de dia 9 de maio.

Com quase 20 toneladas o foguetão chinês Longa Marcha CZ-5B, é um dos maiores pedaços de detritos espaciais a cair na Terra, sem uma direção pré-definida. A horas da sua reentrada na atmosfera os cientistas ainda não sabem exatamente onde irá cair, havendo uma vasta área, que inclui Portugal, onde é possível que tal aconteça.

A reentrada na atmosfera do foguetão que levou o primeiro módulo da estação espacial chinesa ao espaço, no mês passado, estava programada para este fim de semana. As estimativas indicam agora que o foguetão deve atingir a atmosfera terrestres na madrugada deste domingo, 9 de maio.

Os EUA referiram na quinta-feira que não estavam a prever abater os destroços que vierem a cair do céu - o foguetão não cairá inteiro num só local, uma vez que se deve desintegrar em parte mais pequenas quando reentrar na atmosfera. O departamento de defesa norte-americano espera que a aterragem aconteça num local onde não cause danos, como no alto mar.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais