PSI-20 sobe mais de 1% em dia de recuperação na Europa

Negócios 27 de dezembro de 2018

As praças norte-americanas registaram na quarta-feira o melhor desempenho em três anos. Esta valorização está a contagiar positivamente as praças europeias, incluindo Lisboa. O índice nacional sobe mais de 1%.

Por Rita Atalaia - Jornal de Negócios

A bolsa nacional abriu no verde, naquela que é a primeira sessão depois da pausa para o Natal. O dia também deverá ser de ganhos no resto da Europa, isto depois de as praças norte-americanas terem registado a melhor sessão em três anos.

 

O PSI-20, o índice de referência nacional, está a valorizar 1,10% para 4.691,34 pontos, com 14 cotadas em alta e quatro em queda. A praça portuguesa interrompe assim três sessões consecutivas de quedas, em linha com o que tem acontecido no Velho Continente. 

 

Os receios em torno da desaceleração económica mundial, das tensões comerciais (especialmente entre os EUA e a China) e da paralisação ("shutdown") parcial dos serviços federais norte-americanos têm contribuído para o pessimismo dos investidores.

 

Mas ontem o sentimento foi de optimismo. A ajudar ao bom desempenho de Wall Street esteve um conselho do presidente Donald Trump aos investidores: aproveitem para comprar acções, que ficaram a bons preços devido ao movimento generalizado de vendas.

 

Por cá, a tendência também é de subida. Lisboa está a ser sobretudo impulsionada pelos ganhos de Galp Energia. A empresa liderada por Carlos Gomes da Silva está a subir 2,74% para 13,89 euros, depois de os preços do petróleo terem subido mais de 9% na quarta-feira. 

Também o BCP está a contribuir para a valorização do PSI-20. O banco liderado por Miguel Maya está a subir 1,59% para 23,06 cêntimos. Isto enquanto a Jerónimo Martins avança 1,14% para 10,22 euros e a EDP sobe 0,54% para 3 euros. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login