DECO quer Facebook a pagar a portugueses

CM 31 de maio de 2018

Associação vai a tribunal exigir indemnizações por uso abusivo de dados.

Por Correio da Manhã

O escândalo da fuga de dados de milhões de utilizadores pode sair ainda mais caro ao Facebook do que aquilo que se pensava. A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (DECO) e as suas congéneres de Espanha, Bélgica e Itália anunciaram, esta quarta-feira, que vão avançar com uma ação em tribunal.

O objetivo é que a rede social criada por Mark Zuckerberg indemnize os utilizadores "pelo uso massivo e abusivo" dos seus dados.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login