Maria Teresa Horta vence prémio literário Correntes d'Escritas 2021
12:12Lusa

Maria Teresa Horta vence prémio literário Correntes d'Escritas 2021

O júri do concurso decidiu distinguir a obra desta autora, de 83 anos, nascida em Lisboa, considerando que "Estranhezas" "é uma exaltação da paixão, da beleza, do real concreto e efémero eternizado pela deslocação da esfera do tempo para espaços da escrita".

José Tolentino Mendonça vence Prémio Universidade de Coimbra
OntemLusa

José Tolentino Mendonça vence Prémio Universidade de Coimbra

"Trata-se de uma figura ímpar, uma pessoa da cultura, com uma visão social inclusiva, que tocou muito diretamente ao júri, que o nomeou por unanimidade", realçou o reitor, referindo que o cardeal destacou-se dos demais candidatos "pela figura inquestionável que é no plano nacional e internacional".

Teatro Municipal do Porto reforça presença no online
30 de janeiroFilipa Teixeira

Teatro Municipal do Porto reforça presença no online

Nesta nova programação, com a estreia de um espetáculo adaptado para o palco online do TMP, destaque para o regresso das Quintas de Leitura e para a transmissão de um concerto do ciclo Understage.

23
O que nos salvou em 2020? Best of de um ano para esquecer
26 de dezembro de 2020André Almeida Santos

O que nos salvou em 2020? Best of de um ano para esquecer

Já que o resto foi o que foi, vale a pena lembrar o que nos alegrou o ano - dos novos restaurantes e vinhos aos discos, livros, filmes, séries, peças teatrais, exposições, videojogos e até carros

09 de dezembro de 2020Vanda Marques

Joana Pais de Brito é muito mais do que uma Cristina

Treina em frente ao espelho, grava as suas imitações e estuda-as até à exaustão. Mas a antiga terapeuta ocupacional, que aos 18 anos não conseguiu entrar no conservatório, diz que as imitações são apenas uma parte da carreira.

Eduardo Lourenço: o ensaísmo português nunca mais será o mesmo
01 de dezembro de 2020Eduardo Pitta

Eduardo Lourenço: o ensaísmo português nunca mais será o mesmo

Com a morte de Eduardo Lourenço, ocorrida hoje, aos 97 anos, Portugal perdeu o seu último maître à penser. Dito de outro modo, o ensaísmo português nunca mais será o mesmo. Não tratamos de avaliar a qualidade do que fica, apenas a peculiar singularidade de um pensamento.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)