Sanções: Costa agradece apoio a Hollande

Sanções: Costa agradece apoio a Hollande
Leonor Riso 19 de julho de 2016

Primeiro-ministro esteve 45 minutos reunido com o presidente francês. "É injusto que seja aplicada uma sanção e, além do mais, é contraproducente", sustentou

António Costa sublinhou que Portugal fará um "grande esforço" para respeitar as regras da moeda única. O primeiro-ministro esteve reunido com o presidente francês François Hollande em Lisboa, durante a visita do chefe de Estado de França.

Os dois políticos discutiram o atentado em Nice e a situação da União Europeia durante cerca de 45 minutos no Palácio de São Bento. De seguida, Costa agradeceu a França "todo o apoio dado" a Portugal "na análise serena do esforço feito" pelo país ao longo dos últimos anos no sentido de "reduzir o seu défice e cumprir as regras comuns do euro", indica a agência Lusa.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais