O melhor bife do mundo 

07 de abril de 2020

Para aquele solteirão cheio de testosterona, ou para alegrar toda a família, não há nada como um bife cozinhado na perfeição. Tempo de confecção: 13 minutos.

Há muitos e bons bifes, de muitos e bons cortes. Mas o meu preferido é o bife do acém. O acém tem uns veios grossos de gordura densa. Não é uma peça perfeitinha, pode acontecer até que venha desmanchada como um maratonista sobre a meta. Mas na frigideira produz um crepitar inigualável e na boca é como um desses amantes encantadores, cheios de personalidade. 

Para fazer o melhor bife do mundo tem, portanto, de ter um bom bife do acém, de um bom bovino. O ideal é comprá-lo num talho, porque só num talho consegue ter uma peça com a grossura ideal. Bife do acém fininho, não presta. A altura do bife deve ser entre 1,75 centímetros e 2 centímetros. 

Não é ser bruto, é só porque a carne deve manter-se húmida por dentro mas também aguentar fogo durante o tempo suficiente para que aconteçam as reacções de Maillard. Sem reacções de Maillard, sem aquela cor caramelizada magnífica, o melhor bife do mundo não acontece.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais