Instantâneos ou quase (52)
António José Vilela Diretor-adjunto
12 de junho

Instantâneos ou quase (52)

Uma moção no congresso do PAN defendeu o desmantelamento da NATO. Aos miúdos e às famílias diz-se que devem apostar na educação. Depois vem a realidade: entre 2010-18, os salários dos jovens licenciados caíram 17%.

Imoralidade
Há coisas que por muito que me esforce não consigo entender. Como é que os países mais desenvolvidos permitem os lucros fiscais imorais das multinacionais? Agora, veio o G7 dizer que isso vai acabar. Mas ainda falta o G20 e muito, muito tempo.

Para pensar
Aos miúdos e às famílias diz-se que devem apostar na educação. Depois vem a realidade: entre 2010-18, os salários dos jovens licenciados caíram 17%. E se for uma mulher, a conta ainda é pior, porque ganham menos 38% que um homem.

Prioridades
Uma moção no congresso do PAN defendeu o desmantelamento da NATO. Outra moção acha que o mundo fica melhor (se calhar, até mais seguro) com a bicharada doméstica a comer rações 100% de origem vegetal.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Opinião Ver mais