O fantasma que inspirou os bombistas de Boston

Nuno Paixão Louro 08 de abril de 2015

Os irmãos Tsarnaev foram inspirados por Gadzhimurad Dolgatov, morto numa operação das forças russas no final de 2012, através dos seus vídeos colocados na Internet

Tamerlan Tsarnaev pensou seguir o caminho do terrorismo armado contra as forças russas no Daguestão, mas a morte de dois terroristas fizeram-no regressar à América onde optou pela doutrinação através da Internet ao ver e partilhar vídeos do jihadista Gadzhimurad Dolgatov, morto numa operação das forças russas no final de 2012.

Duas semanas depois do atentado de Boston, as autoridades norte-americanas continuam a investigar todas as pistas para tentar compreender o que levou o russo Tamerlan Tsarnaev, de 26 anos, a explodir duas bombas caseiras num acto terrorista com o objectivo de matar e estropiar inocentes. Morreram três pessoas, duas centenas ficaram feridas e cerca de uma dezena ficou sem pernas ou pés.

Das muitas pistas investigadas pelas autoridades, há uma que surge como a mais provável fonte de inspiração de Tamerlan para levar a cabo os atentados: Gadzhimurad Dolgatov, mais conhecido pelo nome de guerra Abu Dujana. Este chefe da célula terrorista de Kizilyurt, cidade no centro do Daguestão, do mais temido grupo islâmico da Rússia, o Emirato do Cáucaso, ficou conhecido por divulgar vídeos, na mesma linha que Doku Umarov, o líder do Emirato do Cáucaso, sediado na vizinha Chechénia.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais