Mulher finge ser rapaz adolescente para abusar raparigas

Juliana Nogueira Santos 10 de janeiro de 2020

Nas redes, Gemma era Jake Watton e usava redes sociais Facebook, Snapchat, Yubo e Instagram para atrair as suas vítimas

Uma mulher britânica foi condenada a oito anos de prisão após ter fingido ser um rapaz de 16 anos para abusar sexualmente de raparigas. Gemma Watts escolhia os seus alvos nas redes sociais e falava com eles no papel desse adolescente de forma a estabelecer uma relação de confiança. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais