Marie Claire proibida na Tailândia

Lusa 09 de abril de 2016
As mais lidas

"Qualquer revista (da edição francesa de Novembro de 2015) será confiscada ou destruída", indica a ordem assinada pelo chefe da polícia

Um número de 2015 da revista Marie-Claire foi proibido na Tailândia por alegada lesa-majestade, segundo uma decisão da polícia publicada em boletim real na noite de sexta-feira.

"Qualquer revista (da edição francesa de Novembro de 2015) será confiscada ou destruída", indica a ordem assinada pelo chefe da polícia Chaktip Chaijinda, no reino onde difamar a família real é um crime punível com até 15 anos de prisão.

Um porta-voz da polícia questionado hoje pela AFP não precisou detalhes, referindo apenas uma legislação de 2007 que autoriza o chefe da polícia nacional a proibir e destruir qualquer documento considerado difamador da monarquia ou uma ameaça à "segurança nacional".

Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Opinião Ver mais