Eslovénia: Mulher condenada a prisão por cortar a mão esquerda

Eslovénia: Mulher condenada a prisão por cortar a mão esquerda
SÁBADO 12 de setembro de 2020

Julija Adlesic tentou cometer uma fraude com seguradoras. O namorado e o sogro colaboraram no plano e também foram condenados.

Na Eslovénia, uma mulher foi condenada a dois anos de prisão por fraude de seguros na forma tentada. Como? O tribunal considerou provado que cortou a sua própria mão esquerda, numa tentativa de conseguir um milhão de euros das seguradoras. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais