Escócia adia novo referendo sobre independência

Escócia adia novo referendo sobre independência
Diogo Barreto 27 de junho de 2017

A primeira-ministra escocesa adiou uma nova votação pela independência relativamente ao Reino Unido até depois das negociações do Brexit

A Escócia não vai procurar um novo referendo de independência antes de terminadas as negociações do Brexit. 

A primeira-ministra escocesa, Nicola Sturgeon, referiu que depois das "pesadas derrotas" sofridas pelo seu partido nas eleições gerais, chegou à conclusão de que o povo escocês não queria voltar a votar a independência do país até ao Outono de 2018.

Em declarações aos deputados Sturgeon afirmou: "A minha responsabilidade como primeira-ministra é construir unidade e consenso", acrescentando ainda que os escoceses estão a passar "por Brexit em que não votaram e de uma forma mais extrema do que era possível imaginar" em 2016.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais