Criador do “Big Brother” processa Facebook por publicidade fraudulenta

Jornal de Negócios 05 de junho de 2019

O empresário milionário está a processar o Facebook devido a uma onda de publicidade falsa que tem associado celebridades holandesas à bitcoin. O criador do “Big Brother” é um dos afetados e não quer o seu nome associado às criptomoedas.

John de Mol, fundador do reality show Big Brother e milionário holandês, fez uma queixa em tribunal contra a empresa de Mark Zuckerberg, acusando o dono das redes sociais Facebook e Instagram de falhar em travar a publicidade fraudulenta com bitcoin. O empresário, que é co-fundador da Endemol, considera que a associação a este tipo de publicidade é danosa para a sua imagem.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais