As alegações de Nicki Minaj sobre a vacina que levaram à intervenção de três governos

Rapper escreveu no twitter que a vacina contra a covid-19 tinha inchado os testículos de um amigo do seu primo em Trinidad e Tobago. O país, o Reino Unido e os EUA já reagiram.

A rapper Nicki Minaj envolveu-se numa polémica na passada segunda-feira, 13, ao publicar um tweet a contar que um amigo do seu primo, que vive em Trindad e Tobago, ficou impotente ao levar a vacina contra a covid-19.

No tweet, Nicki Minaj escreveu: "O meu primo em Trindad não vai ser vacinado porque o amigo dele foi e ficou impotente. Os seus testículos ficaram inchados. Ele estava a semanas de se casar e agora a namorada dele cancelou o casamento." 

Com a dimensão do alcance do tweet, o ministro da saúde de Trindad e Tobago, Terrence Deyalsingh, viu-se obrigado a desmentir o boato em conferência de imprensa. Referiu que não foi reportado às autoridades de saúde "nenhum efeito colateral ou evento adverso de inchaço testicular em Trinidad... ou em qualquer sítio do mundo". Deyalsingh ainda lamenta que os responsáveis de saúde tenham perdido tempo a investigar estas acusações lançadas por Nicki Minaj.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui