Sonda chinesa Chang'e-4 deixa primeira "pegada" na face oculta da Lua

Sonda chinesa Chang'e-4 deixa primeira 'pegada' na face oculta da Lua
Diogo Camilo 04 de janeiro de 2019

O veículo de exploração Jade Rabbit-2 deixou a nave espacial não tripulada esta quinta-feira e começou a percorrer o hemisfério lunar oculto da Terra.

A sonda lunar Chang'e-4 deixou a primeira "pegada" de sempre na face oculta da lua. Doze horas depois da nave espacial não tripulada ter alunado com sucesso no hemisfério lunar que não pode ser visto da Terra, o veículo de exploração Jade Rabbit-2 deixou a nave espacial e começou a caminhar na superfície lunar às 14h22 desta quinta-feira.

"O veículo Yutu-2 ou Jade Rabbit-2 deixou a primeira ‘pegada’ de sempre de uma nave espacial humana na face oculta da lua na noite desta quinta-feira, depois de se ter separado suavemente do aparelho que conduziu a aterragem lunar", refere a agência noticiosa de Xinhua, que cita fonte oficial chinesa.

O momento foi registado através de uma câmera neste aparelho e as imagens foram partilhados com a Terra através do satélite Queqiao, indica a Administração Espacial Chinesa (CNSA). A Chang'e 4, numa referência à deusa chinesa da Lua, havia pousado no satélite natural da Terra esta quinta-feira às 10h26 em Pequim (03h26 em Lisboa).

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais