Mais de 2.400 animais atropelados nas estradas em 2016

Susana Lúcio 19 de janeiro de 2018

Mais de 2.400 animais, selvagens e domésticos, foram atropelados nas estradas portuguesas em 2016 - ainda assim menos 34,5% do que em 2015.

A Infraestruturas de Portugal registou em 2016 a morte de mais de 2.400 animais, selvagens e domésticos, atropelados nas estradas portuguesas em 2016. O número elevado, regista ainda uma redução de cerca de 34,5% face a 2015, de acordo com dados relativos à monitorização da mortalidade da fauna.

Segundo o último relatório anual disponível, em 2016 foram registados 2.415 atropelamentos de animais, enquanto que em 2015 morreram 3.686 animais nas estradas do país.

A diminuição não está relacionada com uma maior protecção das vias rodoviárias, mas com "as flutuações naturais de abundância das diversas populações faunísticas, em função do clima, disponibilidade alimentar, doenças epidemiológicas, entre outros factores, não sendo de excluir alterações na frequência de amostragem e na equipa de trabalho".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais