Bryson, de 8 anos, vendeu as suas cartas Pokémon para salvar o seu cão

Bryson, de 8 anos, vendeu as suas cartas Pokémon para salvar o seu cão
Diogo Barreto 07 de junho

O cachorro precisava de um tratamento que a família não conseguia pagar. Então a criança decidiu vender as suas cartas. Mas acabou por não precisar de vender muitas, graças à solidariedade gerada.

Bryson Kliemann, de oito anos, vendeu a sua coleção de cartas Pokémon para angariar dinheiro suficiente para pagar a operação do seu cão que foi infetado com parvovírus.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais