Maratona de Sevilha: Como correr em casa

Record 24 de fevereiro de 2019

Por Fábio Lima - Record

Já é uma espécie de tradição de início de ano para cada vez mais portugueses. Cruzar a fronteira, fazer várias centenas de quilómetros para correr uma das mais emblemáticas maratonas de Espanha. Sevilha tem sido o destino escolhido para os corredores lusos se desafiarem, muitos deles até estreantes na distância que até assusta os profissionais e os mais batidos nestas andanças.

Falar sobre o que por ali se vive é ao mesmo tempo fácil e complicado. Fácil porque há tanto para contar, complicado porque é difícil resumi-lo. Afinal de contas, são 42 quilómetros de vivências, de momentos emocionantes, de dores e barreiras superadas até chegar àquela meta, que este ano se mudou para a zona central da cidade (uma mudança provisória, mas que até achamos que se deve tornar definitiva).

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login