Craques da terra

Record 03 de janeiro de 2016

É possível construir quatro seleções de qualidade. A falta de opções centra-se na baliza

Por Record

O nosso país não se encontra dividido por regiões autonómicas, mas se estivesse fragmentado em quatro zonas (norte, centro, sul e ilhas) como seriam as respetivas seleções? Um exercício baseado nas pontuações atribuídas pelo nosso jornal permite esboçar quatro onzes de qualidade. Perdão, dois onzes e duas equipas sem... guarda-redes. De facto, na Liga NOS, numa altura em que estamos a chegar ao fim da primeira volta, não há qualquer guardião nascido no sul ou nas ilhas, facto que não deixa de ser curioso.

Começando pelo norte, a seleção apresentada conta com o português mais pontuado por Record. Falamos de Nuno Valente (Arouca), que nasceu em Braga e é superado apenas por Suk e Jonas. O colega Hugo Basto e o central Paulo Monteiro (U. Madeira) também constam do top 10 do nosso jornal e têm lugar na equipa nortenha.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui