Da cadeia para um conto de fadas russo

Da cadeia para um conto de fadas russo
Sónia Bento 30 de março de 2016

Foi o marido, um milionário russo, que a tirou da prisão quando ela tinha 16 anos. Tornou-se uma estrela e vive entre o castelo de Paris e mansões em Moscovo e Londres

Há um grupo de russas que ocupa a front row dos desfiles dos maiores designers em todos os eventos de moda importantes. Chamam-lhes "as czarinas" e ela está lá sempre. Elena Perminova tem 29 anos e é casada com Alexander Lebedev (na foto), 27 anos mais velho e um dos homens mais ricos da Rússia. É uma it girl influente, que marca tendências, não só por ser bonita, ter umas pernas intermináveis e um estilo ecléctico, mas pela sua história ser uma espécie de conto de fadas.



Nascida em Berdsk, uma pequena cidade satélite de Novosibirsk, nos confins da Sibéria, já desfilou para Chanel, Givenchy ou Giambattista Valli. É regularmente apontada pelas revistas da especialidade como uma das mulheres com mais gosto para se vestir, combinando peças de alta-costura com acessórios ao alcance de todos. Perminova é capaz de misturar uns Balenciaga de saltos enormes e um casaco Prada com uma blusa da Zara e calças da H&M. É aquilo que há uns anos um dos críticos de moda do The Telegraph definiu como "uma inocente simplicidade". Essa simplicidade valeu-lhe uma legião de fãs, que ela capitaliza através das redes sociais. Só no Instagram tem mais de um milhão de seguidores – e todos os dias oferece-lhes uma selfie com um novo look.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login