O depoimento explosivo que cola Marcelo a Ricardo Salgado
14 de abrilCarlos Rodrigues Lima

O depoimento explosivo que cola Marcelo a Ricardo Salgado

Pedro Queiroz Pereira declarou ao Ministério Público que, no passado, o banqueiro "comprou" o atual Presidente da República, contratando o escritório da namorada. "Eu sou incomprável", respondeu Marcelo Rebelo de Sousa à SÁBADO.

Corrupção na PT: Ivo Rosa deu peso diferente às testemunhas
09 de abrilMarco Alves

Corrupção na PT: Ivo Rosa deu peso diferente às testemunhas

Três administradores disseram que Ricardo Salgado tinha influência direta na gestão que Granadeiro e Bava faziam na PT. Juiz desvalorizou porque eram só achismos. Mas não fez o mesmo com outra testemunha que também "achava".

O BES e a PT. Como Salgado dominou a maior empresa do país
08 de abrilCarlos Rodrigues Lima

O BES e a PT. Como Salgado dominou a maior empresa do país

A maior empresa portuguesa terá sido utilizada num jogo de conveniências do GES, a quem deu mais de 8,4 mil milhões de euros durante 14 anos. Pelo meio houve muitas comissões. Até à próxima sexta-feira, dia da decisão do juiz Ivo Rosa, a SÁBADO vai publicar vários textos que retratam o essencial da acusação e das defesas dos arguidos.

Operação Marquês: O dinheiro e o poder de mãos dadas
07 de abrilNuno Tiago Pinto

Operação Marquês: O dinheiro e o poder de mãos dadas

Segundo o Ministério Público, José Sócrates e Ricardo Salgado foram os expoentes máximos de várias pessoas que terão conspirado para usar os cargos que exerciam para se apoderarem de muitos milhões de euros. Até à próxima sexta-feira, dia da decisão do juiz Ivo Rosa, a SÁBADO vai publicar vários textos que retratam o essencial da acusação e das defesas dos arguidos.

BES: Relação confirma sentença que condenou ex-administradores da PT
23 de marçoLusa

BES: Relação confirma sentença que condenou ex-administradores da PT

Tribunal da Relação de Lisboa confirmou na íntegra a sentença da primeira instância, a qual reduziu as coimas aplicadas pela CMVM a Henrique Granadeiro para 420.000 euros, a Zeinal Bava para 310.000 euros, a Luís Pacheco de Melo para 300.000 euros e a Amílcar Morais Pires para 180.000 euros.

Carlos Moedas, o senhor troika, vai até Lisboa 
15 de marçoMargarida Davim

Carlos Moedas, o senhor troika, vai até Lisboa 

Começou na Goldman Sachs para pagar a dívida de Harvard e deu a cara pela austeridade: o seu apelido podia ser alcunha. Mas troca o conforto da Gulbenkian para enfrentar Medina.

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)