Como Sócrates tentou desmentir o Correio da Manhã

Susana Lúcio 16 de setembro de 2017

O ex-primeiro-ministro pagou uma dívida fiscal da mãe no dia em que recebeu um aviso do diário de que iria publicar a notícia


Há dois anos e meio, José Sócrates tentou por todos os meios desmentir uma notícia do Correio da Manhã que dava conta de um dívida de 47 mil euros ao fisco da sua mãe, Maria Adelaide Pinto de Sousa, pela venda de um apartamento de luxo no edifício Heron Castilho ao amigo do ex-primeiro-ministro e também arguido na Operação Marquês, Carlos Santos Silva.

A notícia Mãe de Sócrates deve milhares ao fisco foi publicada no Correio da manhã no dia 4 de Dezembro de 2013. Mas o ex-primeiro-ministro soube que iria ser publicada na véspera, depois de ter recebido uma sms da jornalista autora da notícia,e tentou por todos os meios saldar a dívida para assim desmentir o jornal, avança hoje o semanário Sol.

Depois de receber a sms, ter percebido que a mãe não tinha a certeza se tinha dívidas ao fisco e constatar que seria necessário uma guia das Finanças para fazer o pagamento, José Sócrates pediu à sua secretária, Cristina Lopes, para que ela pedisse ajuda ao irmão, que é funcionário das Finanças.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais