Não temos mais enfermeiros
Ana Rita Cavaco
13 de janeiro

Não temos mais enfermeiros

Em ano de pandemia, 1.230 enfermeiros manifestaram vontade de ir trabalhar para fora. Não é apenas cansaço. É muitas vezes desespero.

Quase metade dos Enfermeiros que se formaram em 2020 pediram à Ordem a declaração para emigrarem. Sim. Em ano de pandemia, 1.230 enfermeiros manifestaram vontade de ir trabalhar para fora. Não é apenas cansaço. É muitas vezes desespero, ausência de esperança num País que o melhor que conseguiu, em pleno combate pandémico, foi apresentar contratos de quatro meses com solução.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui