Princesas árabes condenadas por maltratar empregadas

Princesas árabes condenadas por maltratar empregadas
Mariana Branco 27 de junho de 2017

Oito princesas dos Emirados Árabes Unidos foram condenadas, em Bruxelas, a 15 meses de prisão e ao pagamento de 165 mil euros

Oito princesas dos Emirados Árabes Unidos (EAU) foram condenadas em Bruxelas, na Bélgica, a 15 meses de prisão e ao pagamento de 165 mil euros. As mulheres foram acusadas de tráfico humano e de maltratar as empregadas, segundo avança a notícia do site alemão Deutsche Welle.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais