Pandemia origina corrida às armas nos EUA

Jornal de Negócios 03 de abril de 2020

A pandemia da covid-19 provocou uma verdadeira "corrida às armas" nos Estados Unidos, com as vendas a atingirem máximos de pelo menos 22 anos.

A pandemia do novo coronavírus levou os norte-americanos a acorrerem em massa às lojas de armas, revelam os dados divulgados esta sexta-feira.

Em março, o FBI realizou quase 2,4 milhões de verificações de antecedentes de compradores de armas, o valor mais elevado desde 1998, quando o sistema de verificação foi revisto. Em março do ano passado, o FBI tinha realizado apenas 1,3 milhões de verificações, de acordo com os dados revelados pela National Shooting Sports Foundation.

Um pouco por todo o país, as lojas de armas apresentavam longas filas. Vários dos clientes justificaram a opção de comprar uma arma com os receios de um aumento da violência devido à escassez de comida.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais