Duterte anuncia fim de relação com EUA e "namora" China

Nuno Paixão Louro 21 de outubro de 2016

Declarações do Presidente filipino sobre separação dos Estados Unidos, em Pequim, deixaram os Estados Unidos preocupados. Está em causa o equilíbrio de forças na região

"Anuncio aqui a minha separação dos Estados Unidos" disse o Presidente das Filipinas durante um fórum sobre negócios ontem em Pequim, onde estava presente o vice primeiro-ministro chinês, Zhan Gaoli, assim como vários empresários chineses e filipinos. Com as relações comerciais com os antigos parceiros americanos a deteriorar-se, Rodrigo Duterte, está já à procura de substituto.



Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais