Bruxelas estuda fim das moedas de 1 e 2 cêntimos

Jornal de Negócios 29 de janeiro de 2020

A Comissão Europeia incluiu no seu programa de trabalhos para este ano uma avaliação da utilização das moedas de um e dois cêntimos e a possível introdução de regras uniformizadas de arredondamento.

A Comissão Europeia vai estudar a possibilidade de aplicar regras de arredondamento comuns na região da moeda única, que conduziriam à eliminação das moedas de euro de menor valor, especificamente a de um e dois cêntimos.

A medida consta do programa de trabalho da Comissão para este ano, divulgado esta quarta-feira, 29 de janeiro, estando inserida num anexo dedicado às propostas de simplificação regulatória.

"Uma possível proposta introduziria regras comuns de arredondamento para responder aos desafios relacionados com o uso das moedas de um e dois cêntimos", lê-se no programa de trabalhos que tem esta avaliação prevista para o último trimestre do ano.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais