Homens perdem anticorpos contra a covid-19 mais depressa que as mulheres

Homens perdem anticorpos contra a covid-19 mais depressa que as mulheres
Ana Bela Ferreira 21 de novembro de 2020

A vacina está a ser preparada com base na ideia de que uma fórmula encaixa para todos, mas comportamento perante a doença é diferente entre os géneros e homens podem precisar de mais doses para manter imunidade.

Os homens perdem mais rapidamente anticorpos que neutralizam o covid-19 do que as mulheres. A conclusão é de um estudo feito com funcionários dos hospitais da Universidade de Estraburgo, em França, e que foi agora divulgado.

O estudo ainda não foi revisto por outros cientistas independentes, mas investigou 308 infetados com covid ao longo de seis meses. A maioria tinha tido sintomas leves. As diferenças dos anticorpos foram medidas em dois momentos, num período de 172 dias. A primeira amostra de sangue mostrou que os homens com mais de 50 anos e um índice de massa muscular de mais de 25, tinham níveis mais elevados de anticorpos.

Uma segunda recolha de sangue mostrou, no entanto, que os níveis de anticorpos tinham caído mais nos homens do que nas mulheres, independentemente da idade ou índice de massa muscular.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais