O ID - No Limits já dá sinais de grandeza

O ID - No Limits já dá sinais de grandeza
Pedro Henrique Miranda 30 de março de 2019

A abertura do anunciado festival de eletrónica, hip-hop e música de dança do Estoril trouxe IAMDDB e Madlib como principais apostas para uma noite que não desapontou.

2019 prometia dar a conhecer ao país um novo conceito de festival na pré-temporada dos eventos de grande porte do verão: com uma curadoria focada na música de dança, o ID - No Limits diferenciou-se, à partida, por apostar no hip-hop em alguns dos maiores nomes (Madlib, IAMDDB) e piscar o olho a segmentos alternativos da eletrónica (Arca, Kamaal Williams), em linha direta com festivais de maior fôlego (e price point). E enquanto, no coração da capital, dançava-se ao som do MIL Lisboa, o ID elegeu o Estoril como sede da sua primeira edição, trazendo ao público cascalense uma classe de concertos para a qual parecia haver uma considerável lacuna a colmatar.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais