Acreditar no Pai Natal pode ser prejudicial

Susana Lúcio 24 de novembro de 2016

Dizer ao seu filho que um velhinho barrigudo e barbudo deixa presentes na noite de Natal pode pôr em causa a relação de confiança entre pais e filhos

Este ano, pense duas vezes antes de vestir o fato de Pai Natal para surpreender o seu filho com presentes. Um estudo, elaborado por dois psicólogos da Universidade de New England, concluiu que dizer às crianças que o Pai Natal é real prejudica a relação de confiança entre pais e filhos.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais