Trump apela aos portadores de armas contra Clinton e incendeia nova polémica

Negócios 10 de agosto de 2016

O candidato republicano às eleições nos EUA afirmou que os defensores dos direitos de porte de arma podem agir contra Hillary Clinton e lançou uma nova frente de polémica: fez ou não um incitamento à violência?

Por Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login