Portugal excluído dos parceiros importantes de Angola

CM 27 de setembro de 2017

Impressionado com ?receção calorosa?, Marcelo perspetiva relações bilaterais ?muito boas?.

Por Correio da Manhã

O novo presidente angolano, João Lourenço, deixou ontem Portugal de fora da lista dos "parceiros importantes" de Angola no discurso de tomada de posse, num reflexo das tensões entre os dois países.

Discursando perante uma tribuna de honra em que Marcelo Rebelo de Sousa era o único chefe de Estado europeu presente, João Lourenço não fez qualquer referência ao nosso país, numa omissão que reflete as divergências entre Luanda e Lisboa por causa das investigações da Justiça portuguesa a figuras do regime angolano, nomeadamente, o anterior vice-presidente, Manuel Vicente.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login