Pimco: BCE não terá margem para subidas acentuadas dos juros

Negócios 31 de outubro de 2018

Andrew Bosomworth, da Pimco, afirma que o BCE vai começar a restringir a política monetária precisamente quando se prevê um abrandamento da economia dos EUA. O responsável considera, por isso, que o banco central não terá muita margem para subir os juros de forma acentuada, mantendo-os perto de zero.

Por Negócios Bloomberg - Jornal de Negócios

O Banco Central Europeu (BCE) está a dar sinais de que vai começar a normalizar a política monetária através do aumento das taxas de juro. Contudo, para a Pimco, o banco central liderado por Mario Draghi manterá as taxas perto de zero, uma vez que vai começar a restringir na altura em que é esperado um abrandamento da economia norte-americana.

 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui