JPMorgan sobe de 20% para 40% a probabilidade de o Reino Unido não sair da UE

Negócios 05 de dezembro de 2018

Os economistas do banco norte-americano consideram que a probabilidade de um Brexit "ordeiro" (50%) é agora só ligeiramente superior à probabilidade de um cancelamento do Brexit (40%).

Por Negócios - Jornal de Negócios

Para os economistas do JPMorgan, a permanência do Reino Unido na União Europeia é um cenário que ganha cada vez mais força, depois de o próprio advogado-geral do Tribunal de Justiça da UE ter vaticinado que Londres poderá cancelar o Brexit, sem sequer necessitar do aval dos restantes Estados-membros do bloco regional.

 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login