João Proença: "Quem faz greve é ouvido pelo Governo. Quem não faz, não é"

Negócios 24 de fevereiro de 2019

O antigo líder da UGT diz que o Governo tem responsabilidade na escalada de greves por recusar sentar-se à mesa com as estruturas sindicais. Só aceita negociar, quando os sindicatos avançam com greves, diz.

Por Rosário Lira - Jornal de Negócios

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login