Ameaça de greve faz retomar negociações na Plural

CM 12 de dezembro de 2018

Trabalhadores da produtora de ficção da TVI queixam-se de condições precárias.

Por Sónia Dias - Correio da Manhã

A ameaça de uma nova greve, entre os dias 18 e 31 deste mês, levou a administração do grupo Plural Entertainment, detido pela Media Capital, a retomar as negociações com os sindicatos. Se não houver acordo até lá, a paralisação pode mesmo avançar.

Após uma reunião, esta segunda-feira à noite, entre o Sindicato dos Trabalhadores do Espetáculo, do Audiovisual e dos Músicos (CENA-STE), a Plural e o secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, serão agendados plenários com os trabalhadores, antes de se marcar uma nova reunião onde voltarão a ser discutidas reivindicações como a redução do Período Normal de Trabalho (que atinge as 11 horas), aumento de salários e o fim dos falsos recibos verdes.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login