Cuidados intensivos

A lei da selva

A “passividade” dos agentes – eram dois – despertou a fúria do País, que clamou por mais “autoridade”. Mas “autoridade” para quê? Para que uma intervenção musculada, eventualmente com arma, fosse condenada de imediato pela sua “brutalidade” contra as minorias?

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)