Lucro da EDP cai 8% para 422 milhões de euros até Setembro

29 de outubro de 2020

A operação em Portugal continua no vermelho, tendo registado prejuízos de 23 milhões de euros até Setembro deste ano.

A EDP fechou os nove meses do ano com um resultado líquido de 422 milhões de euros, o que traduz uma queda face ao mesmo período do ano passado. A elétrica justifica esta evolução com as "quedas significativas"  da procura e preços de eletricidade devido à pandemia, apesar de admitir "alguns sinais de recuperação" no período em análise, de acordo com o comunicado emitido pela elétrica à CMVM esta quinta-feira.

O EBITDA seguiu a mesma tendência, tendo recuado 2% para 2,6 mil milhões de euros. "Excluindo o impacto cambial, o EBITDA aumentou 3% face ao período homólogo".

No final do terceiro trimestre a EDP tinha mais de 20 GW de capacidade instalada em renováveis, e uma carteira de projetos renováveis já contratados de 6,5 GW, dos quais 0,7 GW contratados durante 2020.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais