Burlas e extorsão por telemóvel e mais 11 histórias

03 de janeiro de 2016

Principais destaques da imprensa escrita de 3 de Janeiro de 2016

Bom dia!

O Correio da Manhã faz manchete com a caça aos assassinos do polícia reformado, José Paixão, abatido a tiro por dois assaltantes e adianta que a Polícia Judiciária está a analisar imagens. A vítima sacou de pistola e efectuou disparo para o ar, mas acabou abatida à queima-roupa.
A vitória do Sporting sobre o FC Porto por 2-0 levou o jornal a rimar ao escrever sobre Slimani: "rei leão abate dragão", e que a vitória do Benfica em Guimarães deveu-se à magia de Renato que fez voar a águia.
O jornal publica ainda um perfil de Maria João, a mulher que nunca abandonou Ricardo Salgado e é o pilar do ex-banqueiro. 
e revela que as herdeiras do Banif ficam sem 112 milhões de euros. Motivo? A herança indivisa de Horácio Roque poderá ter um prejuízo milionário no Banif por ter uma participação de 6,5% no capital social do banco.

Marcelo Rebelo de Sousa ocupa a capa do Público numa extensa entrevista em que o candidato presidencial afirma: "Se for eleito a minha ideia é desdramatizar". O professor acredita que é possível trabalhar em consensos de regime e defende que Portugal tem de ter uma política externa, "não pode ter duas".
O jornal lembra ainda que o peso dos salários na economia volta a subir este ano  e que "Os cabo-verdianos acham que não são africanos", uma reportagem para ler aqui.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais