Um par de vírgulas e 48 mortos
Carlos Rodrigues Lima Grande Repórter
28 de março de 2018

Um par de vírgulas e 48 mortos

A emergente classe profissional dos indignados mais depressa se indigna com a gramática da pobre alma Feliciano Barreiras Duarte do que com 48 mortos nos incêndios de Outubro. Isto é a indignação da esquerda progressista: a gramática acima de tudo.

Há uma emergente classe profissional que, paulatinamente, faz o seu caminho nas redes sociais: os indignados. Os profissionais da indignação ao minuto são, convém separar os conceitos, diferentes dos genuinamente ou inocentemente indignados. Estes últimos tanto podem estar indignados com alguma situação, do lixo que ficou por recolher à porta de casa à senhora das Finanças que os maltratou; mas também podem ser os que leram algures algum post indignado e resolveram entrar na onda.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Opinião Ver mais