O meu nome é Peter
Paula Cordeiro
25 de janeiro

O meu nome é Peter

Olá, o meu nome é Peter - perdão - Paula e sou uma CEO. Mas sou CEO de uma nano empresa porque isto de ser CEO de multinacionais está reservado a qualquer Peter, Pedro, Paulo ou João.

Quando terminava o artigo desta semana, dedicado à privacidade dos nossos dados, recebi uma mensagem que alterou o curso das ideias. Peter é uma campanha com origem na Holanda porque neste pais há mais homens CEO’s do que mulheres. Se neste país, tolerante e progressista, defensor da liberdade e respeito, a igualdade de género é ainda uma utopia, o que pensar de um país conservador e tradicionalista como Portugal?

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui