Partido espanhol quer acabar com os aplausos aos profissionais de saúde

Partido espanhol quer acabar com os aplausos aos profissionais de saúde
Mariana Branco 29 de abril de 2020

Vox defende o fim da homenagem aos médicos e enfermeiros durante a pandemia de covid-19 por dificultarem as ações de protesto contra o chefe do governo, Pedro Sánchez.

O partido espanhol de extrema-direita Vox quer acabar com os aplausos aos profissionais de saúde que durante a pandemia de covid-19 têm levado milhares de espanhóis às janelas todos os dias. De acordo com o El País, há várias semanas que os seguidores do partido recebem mensagens, através das redes sociais, sobre o fim da homenagem. Agora, através do canal oficial, a El Toro TV, o pedido foi reforçado.

O partido liderado por Santiago Abascal pretende que os aplausos aos profissionais terminem por dificultarem as ações de protesto contra o chefe do governo, Pedro Sánchez. "Menos músicas, menos aplausos [aos profissionais de saúde] e Resistirei [canção convertida em lema do confinamento] mais resistência contra aqueles que sequestram Espanha e ignoram e desprezam a morte de dezenas de milhares de espanhóis enquanto destroem a democracia", escreveu o eurodeputado Hermann Tertsch.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais