Facebook acusado de promover lutas de cães

Facebook acusado de promover lutas de cães
Diogo Barreto 26 de maio de 2019

Entre dezembro e fevereiro foram encontrados diversos grupos, páginas e perfis que promovem as lutas de cães na rede social. Ao todo foram mais de 2.000 publicações repartidas por 150 perfis e páginas.

A organização de defesa dos direitos dos animais Lady Freethinker (LFT) acusa o Facebook de ser uma plataforma que ajuda a divulgar as lutas ilegais entre cães. A associação descobriu que a rede social é utilizada por organizadores destas lutas e de criadores de cães para promover os combates.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais