Computadores de quem visitou site da Worten usados para gerar moedas digitais

Computadores de quem visitou site da Worten usados para gerar moedas digitais
Leonor Riso 28 de março de 2018

Empresa garante que "nem os clientes nem a plataforma" foram afectados. Saiba como pode ter sentido as diferenças.

Se visitou o site da Worten durante parte da tarde de terça-feira, dia 27, é possível que o seu computador tenha sido usado para extrair criptomoedas. Entre as moedas digitais, a que estava a ser extraída era monero: cada unidade vale 155 euros.

Alguém introduziu software malicioso no site da cadeia de lojas para que pudesse usar o processador dos computadores alheios para minerar moedas digitais, uma operação que envolve um conjunto de instruções em código que executa funções que validam as transacções de moedas digitais resolvendo complexas equações matemáticas.

Em termos práticos, quem acedesse ao site da Worten sentia o computador ficar muito mais lento. Via tablet ou smartphone, pode ter estranhado que a bateria se tenha esgotado mais rapidamente ontem.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais